Somos todos um

sexta-feira, 23 de outubro de 2015



Genericamente falando, a espiritualidade é um estado de espírito, uma condição ou natureza de cada ser. Contudo, no contexto atual, o termo é empregado para denominar a ação de coisas, entidades ou pessoas no universo não físico, ou melhor dizendo, extrafísica. E de forma coloquial o termo é utilizado para simplificar a expressão, pois sempre está associada ao mundo não físico, ou espiritual, que age na existência material.

Assim como muitos referem-se a Deus simplesmente e outros falam de um mundo espiritual, pode-se utilizar a expressão espiritualidade para determinar o mesmo sentido. Podemos usar o termo também para demonstrar a fé, a ação de forças divinas ou simplesmente a interação com energias não visíveis, que nesse caso podem ser benéficas ou nocivas.

No século XXI um novo tipo de ser humano surgiu e uma nova consciência aflorou. Estamos falando de um grande grupo de pessoas que entende que a amplitude da vida está muito além do que diz as religiões, os livros sagrados ou as antigas escrituras. Pessoas de todos os cantos estão utilizando parte de tudo que aprenderam, com as suas próprias experiências, com escrituras, com religiões e religiosos.

Esta nova consciência humana começou a perceber que a melhor religião é a do amor e que a melhor filosofia é a de fazer o bem.  Aprendeu também que cada religião não é completa, mas pode cooperar com parte dos aprendizados necessários.

O indivíduo que aprendeu a desenvolver a essa consciência espiritual leve e aberta é considerado espiritualista e o espiritualismo é esse movimento todo.

Um dos conceitos que mais se expandiu no momento atual, juntamente com a visão de espiritualidade e espiritualismo é o de que somos todos um. Isso quer dizer que mesmo que estejamos separados por corpos carnais diferentes, estamos todos inseridos dentro de um grande campo de energia que está em tudo e age sobre todos.

O termo Somos Todos Um é muito verdadeiro e significativo, pois ele fala que podemos até iludirmo-nos de que estamos separados uns dos outros, pobres de ricos, negros de brancos, ocidentais de orientais, contudo em termos da nossa essência, somos um único campo de força e por isso somos realmente filhos do mesmo pai, da mesma fonte, da mesma origem.q

|Via Luz da Serra
_______________________________________________________________________________
Que achou você desse post? Clique abaixo, no link COMENTÁRIOS e deixe sua palavra...

0 COMENTÁRIOS :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...